Uefa distribuirá R$ 8,6 bilhões entre os participantes da Liga dos Campeões

A Uefa divulgou quanto vai distribuir entre os clubes participantes dos torneios continentais na temporada 2019/2020. O valor de € 3,25 bilhões (R$ 13,7 bilhões segundo a cotação atual) é referente a receita comercial bruta da Liga dos Campeões, Liga Europa e Supercopa Europeia. Desse valor, € 2,55 bilhões serão distribuídos entre os clubes das principais competições do Velho Continente. Sendo que € 2,04 bilhões (R$ 8,6 bilhões) vão somente para os participantes da Champions. E os outros € 510 milhões (R$ 2,56 milhões ficam para os participantes da Europa League.

A diferença de € 700 milhões entre o valor bruto e o valor a ser distribuído entre as equipes também teve seu destino detalhado pela entidade: € 295 milhões serão usados para custos administrativos e de organização. € 227,5 serão separados para pagamentos solidários. Os outros € 177, 4 ficarão retidos na própria UEFA.

Distribuição de receita da Champions League

O campeão da Liga dos Campeões leva pelo menos € 66,2 milhões, garantidos por premiação de desempenho fixa prevista pela Uefa. O valor ainda pode crescer baseado no coeficiente de desempenho de cada time nos últimos dez anos e no número de vitórias conquistadas na primeira fase. O valor previsto pela Uefa para clubes que participam da fase de grupos em diante é de € 1,95 bi.

Divisão do montante:

  • 25% do valor é distribuído como bônus pela classificação para a fase de grupos (€ 488 milhões)
  • 30% do valor será pago com base no coeficiente de desempenho de cada clube nos últimos dez anos (€ 585 milhões)
  • 30% será baseado na performance de cada equipe dentro da própria competição (€ 585 milhões)
  • Os 15% finais serão usados para pagamentos variados e valores de mercado (€ 292 milhões)

Com base nesses valores, cada clube vai receber um total de € 15,2 milhões por se garantir na fase de grupos. Além disso, garante mais € 2,7 milhões por vitória e € 900 mil por empate dentro da primeira fase. Caso o número de empates não seja o suficiente para distribuir todo o restante do valor alocado para a fase de grupos, o montante excedente será dividido e pago aos melhores clubes, levando em consideração a quantidade de vitórias de cada um.

Para os 30% referentes ao desempenho anterior de cada time, a Uefa estabeleceu um ranking de clubes baseado nos resultados de cada equipe nos torneios da entidade nos últimos 10 anos. Esse ranking é usado para definir o valor que cada clube vai receber do montante, e o dinheiro é dividido em partes iguais de € 1,1 milhão. Cada clube recebe um número de partes proporcional à sua posição no ranking. Dessa forma, o último colocado fica com uma parte, enquanto que o primeiro fica com 32, totalizando € 35,4 milhões.

Os outros 15% são baseados nos valores de mercado e transmissão de cada clube. Metade do valor dessa divisão também é pago baseado no desempenho de cada clube nas Copas domésticas de cada país.

Valores da fase de mata-mata

Equipes classificadas para as oitavas garantem € 9,5 milhões cada

  • Equipes classificadas para as quartas garantem € 10,5 milhões cada
  • Equipes classificadas para as semifinais garantem € 12 milhões cada
  • Equipes classificadas para a final garantem € 15 milhões cada
  • O Campeão garante um adicional de € 4 milhões
  • As duas equipes classificadas para a Super Copa da UEFA recebem € 3,5 milhões. O campeão ainda ganha mais € 1 milhão de bônus