Operário Várzea-grandense não deve disputar a Copa FMF

  • Por Só Notícias
  • 23/04/2019 às 11:15
  • FutebolMT

Com uma ótima campanha no Mato-grossense ficando em segundo lugar, o Clube Esportivo Operário Várzea-grandense assegurou um calendário extenso para a próxima temporada. O Tricolor conseguiu vagas para Copa do Brasil e o Campeonato Brasileiro da Série D, competições nacionais que serão disputadas ainda no primeiro semestre de 2020.

Em função de ter garantido a segunda vaga de Mato Grosso no torneio nacional – a primeira é do Cuiabá, tricampeão mato-grossense -, a diretoria sob comando do ex-técnico Éder Taques deve abrir mão de disputar a Copa FMF deste ano por já estar classificado. Segundo o presidente operariano, o objetivo é amarrar bem todo o planejamento para próxima temporada.

“Queremos iniciar 2020 muito forte, com organização e viabilidade financeira. Temos um ótimo calendário. É importante estarmos bem organizados para os próximos desafios”, disse Taques, ressaltando que ficar de fora da Copinha, torneio que dá a terceira vaga do Estado à Copa do Brasil, significa menos gastos.

Apontado por muitos como um dos responsáveis pela boa campanha do Operário Várzea-grandense no Estadual, o técnico Ariel Mamede não irá continuar no clube. Ele tem várias propostas, inclusive o União de Rondonópolis, antes de acertar com o técnico Caé Cunha, havia sondado o jovem treinador para comandar o Colorado na Série D do Nacional.

“O Ariel tem um futuro promissor no futebol brasileiro”, disse Taques.