Ministro do Esporte alemão diz que apoia volta da Bundesliga em maio

Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

O Campeonato Alemão deve ser a primeira das grandes ligas europeias a ser retomada, e isso pode ocorrer ainda neste mês. O ministro do Esporte da Alemanha, Horst Seehofer, afirmou ao jornal "Bild" que é favorável ao retorno da competição nas próximas semanas, uma vez que o país vem começando a afrouxar as medidas de isolamento pela pandemia do novo coronavírus.

- Considero plausível o calendário da liga e apoio o recomeço em maio. Mas também está claro para mim que não pode haver privilégios para a Bundesliga - disse o representante do governo, que também é ministro do Interior.

De acordo com a agência "DPA", a autorização oficial para a retomada do campeonato deve vir do governo na quarta-feira. Então, seria divulgado um novo calendário para a realização das nove rodadas restantes para o fim da Bundesliga.

A entrevista foi publicada pelo jornal apenas neste domingo, mas foi concedida na última sexta-feira, antes de o Colônia anunciar que três funcionários testaram positivo para a Covid-19. A imprensa alemã afirma que são dois jogadores e um fisioterapeuta. Foram os primeiros casos nos clubes desde que os treinamentos foram retomados, no início de abril.

Ao jornal, o ministro indicou que, caso surgissem casos, todo o clube deveria ser colocado no isolamento total por duas semanas. Entretanto, o Colônia apenas colocou em quarentena os funcionários infectados, além de pessoas que tiveram contato que se enquadram na "categoria 1" - justificando estar seguindo o protocolo traçado pela liga. A ideia é que os testes duas vezes por semana serão capazes de isolar novos infectados antes que tenham contato com outras pessoas.

O chefe da força-tarefa médica liga alemã e da federação do país, Tim Meyer, afirmou no último sábado que o sistema pode ter falhas. Mas que o risco é "clinicamente justificável" e que precisará de cinco semanas para ver a efetividade dos protocolos.