Jogadores do Eibar, da Espanha, relatam medo com a volta aos treinos

Foto: Site oficial do Eibar

Foto: Site oficial do Eibar

O elenco do Eibar, da Primeira Divisão da Espanha, divulgou nesta terça-feira um comunicado em que os jogadores relatam medo sobre o retorno aos treinamentos nesta semana, liberado pela liga nacional e pelo Ministério da Saúde, mesmo ainda em meio à pandemia do novo coronavírus. Com o apoio da comissão técnica do clube, o grupo pede garantias e exige responsabilidade das autoridades locais, para assegurar que não correm qualquer risco de serem infectados.

- Temos medo de iniciar uma atividade na que não poderemos cumprir a primeira recomendação dos especialistas, que é o distanciamento físico. Nos deixa inquietos que, para fazer o que mais gostamos, podemos ser contagiados, infectar nossos familiares e amigos, inclusive contribuir para uma nova onda da epidemia, com as terríveis consequências para toda a população - afirmou o elenco, em parte do comunicado oficial, antecipado pela Cadena Ser.

Os atletas afirmam que querem voltar a jogar, mas que "antes de futebolistas, são pessoas". Eles também reforçam a preocupação com a situação sanitária da Espanha, que tem quase 220 mil casos de covid-19 confirmados e mais de 25.600 mortes até o dia 5 de maio.

A liga espanhola enviou aos clubes nesta semana uma cartilha com os protocolos que os atletas precisarão seguir para a retomada dos treinamentos. A entidade detalhou as duas primeiras fases de retorno das atividades, nas quais os atletas precisarão usar máscaras e luvas ao circularem nas instalações e passarão por dois tipos de testes diferentes